BLOG

LinkedIn - Entrevista com Raphael Araujo

Atualizado: Jun 26


Estamos na era do relacionamento, onde networking e bons contatos fazem toda a diferença em qualquer área de nossa vida, mas em especial, na vida profissional. A internet e as redes sociais, tem afetado a forma como criamos nossa rede de networking e como nos relacionamos. Neste contexto, estar presente no mundo digital tornou-se algo mandatório para a construção de relacionamentos profissionais e busca de recolocação profissional.

O LinkedIn é justamente uma rede social voltada para conexões profissionais, que oferece a possibilidade de ampliação da rede de contatos, busca de emprego, busca de candidatos, divulgação do seu negócio e conteúdos. Para falar mais sobre esta ferramenta, sua importância e boas práticas de uso, convidei novamente meu amigo Raphael Araújo.

Raphael é especialista na área de recrutamento, tendo atuado também como business partner e RH generalista.

É bacharel em Administração de Recursos Humanos com MBA em Gestão de Pessoas.

Acumula 14 anos de experiência em grandes multinacionais no segmento de comércio exterior e energia, tendo atuado também em empresas de consultoria com recrutamentos de alto volume.

O que é o LinkedIn e qual a sua finalidade na vida profissional?

RAPHAEL ARAUJO: O LinkedIn é uma rede social na qual é possível criar perfis de maneira semelhante às outras existentes, como Facebook, Instagram e Twitter. Porém, seu diferencial é sua inserção no universo empresarial e, por isso, o foco no perfil profissional de cada usuário.

Nela, é possível criar uma espécie de currículo virtual, informando nível de escolaridade, trabalhos anteriores, habilidades desenvolvidas e, até mesmo, incluir alguns projetos e certificados acumulados durante a carreira.

Seu objetivo é, então, conectar não apenas profissionais e empresas, como também conectar profissionais a outros profissionais. No LinkedIn, é possível encontrar (ou anunciar) vagas de emprego, além de adicionar novas “conexões”, possibilitando que o usuário acompanhe publicações daqueles com os quais possui afinidade. Tudo isso a nível global, já que, por meio dessa rede, tem-se acesso à pessoas e organizações de todo o mundo.

Qual a forma adequada de indicar a busca por emprego no LinkedIn?

RAPHAEL ARAUJO: O ideal é o usuário sempre informar no seu título profissional qual a sua área de atuação, formação ou até mesmo a posição de interesse e nunca apenas informações como Desempregado, Em busca de recolocação ou Em transição de carreira. Caso tenha interesse em mudar de função, o ideal seria além da sua atual posição profissional, mencionar a futura área ou função de interesse. Existe um campo específico no LinkedIn que você pode configurar indicando que você esta em busca de recolocação e definir neste campo se deseja que esta informação esteja aberta apenas para recrutadores ou para todos.

Além disto, recentemente, no dia 24/06/2020, o LinkedIn liberou uma nova ferramenta que mostra um círculo na cor verde com a hashtag #opentowork para sinalizar para quem acessar o perfil, que aquela pessoa se encontra em busca de recolocação profissional. Como a ferramenta é recente, nem todos os usuários possuem acesso a este recurso no momento, uma vez que o Linkedin está liberando aos poucos, de qualquer maneira é mais um recurso válido e de utilização gratuita.

Quais são as áreas foco dos recrutadores ao avaliarem um perfil?

RAPHAEL ARAUJO: Como especialista em recrutamento posso afirmar que as áreas foco são as que visualmente temos acesso imediato quando entramos em um perfil. Que são: imagem de capa, foto de perfil, título profissional e resumo profissional. As demais serão avaliadas na sequência, no entanto, estas áreas foco podem determinar se o recrutador continuará ou não navegando pelo seu perfil.

Quais são as dicas para escolha da capa e foto do perfil?

RAPHAEL ARAUJO: Uma pesquisa feita pela própria rede social, mostrou que apenas um quarto dos brasileiros (27%) consideram importante atualizar a imagem no perfil.

A verdade é que pode parecer algo sem importância, mas, a foto diz muito sobre o usuário do LinkedIn.

Mas, cuidado: não atualize apenas por atualizar. É preciso saber escolher uma boa foto, tendo sempre em mente a impressão que se quer causar. Então, nada de imagens em festas, casamento ou com roupa de piscina.

O foco é em você como profissional, portanto, prefira fotos com fundo neutro, boa iluminação, boa qualidade de imagem e vista-se adequadamente conforme a imagem que deseja transmitir.

Para a capa (background), a dica é buscar uma imagem que seja compatível com sua profissão. Ex: Se for um fotografo pode fazer uso de imagens de câmeras e lentes, para um contador pode utilizar imagens de gráficos financeiros, moedas, entre outros.

Como montar o resumo profissional?

RAPHAEL ARAUJO: Escreva em primeira pessoa, considerando as informações mais relevantes sobre sua trajetória, áreas de atuação, alguns projetos ou entregas de sucesso que valem a pena destacar, assim como cargo atual. Deixe o resto — duração, funções, atividades — para a parte de “Experiência”.


As recomendações são mesmo relevantes?

RAPHAEL ARAUJO: Muito! É a reputação de um outro profissional colocada a prova no perfil do seu atual ou ex-colega de trabalho para falar sobre as entregas, trabalho e as vezes até comportamento dessa pessoa. Traz validação para tudo aquilo que está sendo compartilhado no perfil, desde o título profissional, resumo até as experiências anteriores na visão de uma outra pessoa.

O LinkedIn serve para qualquer profissional?

RAPHAEL ARAUJO: Qualquer profissional e em qualquer etapa da sua vida profissional. Seja uma pessoa prestes a sair da faculdade, um profissional júnior a executivo, dono do seu próprio negócio ou aquele próximo de se aposentar que pensa em empreender, por exemplo.

Vale a pena usar a versão paga do LinkedIn?

RAPHAEL ARAUJO: Depende do seu objetivo na rede. Se você busca por recolocação profissional a versão paga te trará algumas vantagens como a análise dos seus concorrentes a mesma vaga, possibilidade de fazer treinamentos online, além de créditos inmail para enviar mensagens para pessoas que não fazem parte da sua rede de contatos ainda.

Como escolher com quem se conectar no LinkedIn?

RAPHAEL ARAUJO: Mais uma vez depende...rs. Depende do seu objetivo. Você pode adotar uma postura de só aceitar e buscar conexão com pessoas da mesma área de atuação que a sua, afim de trocar experiências e manter-se atualizado. Ou pode, optar por se conectar a recrutadores para manter-se informado sobre as vagas. Pode também se conectar a pessoas já presente em seu networking profissional ou até mesmo se conectar a possíveis clientes, caso seja um empreendedor. O seu objetivo define a estratégia de conexão. No entanto, por ser uma rede social profissional, o ideal é também transitar em outros perfis para que seja visto e reconhecido por outros profissionais, empresas, colegas, etc.

Como ter um perfil campeão?

RAPHAEL ARAUJO: É muito simples. Basta preencher o seu todos os campos do seu perfil e o LinkedIn o reconhecerá como um perfil completo, atribuindo a ele o selo de perfil campeão. 😉

O LinkedIn pode ser usado por empreendedores? Quais são as principais dicas?

RAPHAEL ARAUJO: Com a expansão do mercado digital, é natural que o consumidor mude seus hábitos de compra e a forma de procurar serviços. E por ser um ambiente mais profissional, o LinkedIn acaba sendo também uma das fontes na busca de referências. E claro, há diversas formas para um empreendedor deixar o perfil mais atraente para os antigos e novos clientes.

Algumas dicas principais seriam:

  1. Conecte-se e interaja com seus novos contatos: Criar uma rede diversificada pode ser interessante, mas se aproximar de seus contatos é o diferencial;

  2. Apresente-se ao mundo e mostre suas intenções: Deixe claro em seu perfil quais serviços são prestados pela sua empresa, ou por você mesmo, ainda que de forma autônoma;

  3. Compartilhe o sucesso do seu trabalho: Pessoas conectam-se com pessoas e se identificam com cases e histórias de êxito. Seu produto ou serviço fez a diferença na vida de algum cliente? Você conseguiu um destaque na mídia com sua atuação? Divulgue isso imediatamente.

Para quem quiser saber mais sobre o assunto e ter suporte para compor um linkedIn campeão, quais são os serviços que você oferece nesta área e como as pessoas podem ter acesso?

RAPHAEL ARAUJO: Como um profissional com mais de 8 anos de experiência na área de Recursos Humanos e 14 anos como profissional em grandes multinacionais de Energia e consultorias de RH, o trabalho que realizo junto aos meus clientes potencializa e muito suas chances de recolocação profissional.

De forma individual e personalizada é possível trabalhar o autoconhecimento que é a base de todo o processo de evolução e motivação para uma recolocação profissional de sucesso, além da formatação do currículo, perfil LinkedIn, ensaio de entrevista e muito mais.

Fico muito feliz com o sucesso de meus clientes recolocados profissionalmente ou que tenham optado por migrar para novos empregadores e que hoje fazem parte do quadro de funcionários de grandes empresas como Trident Energy, Shell, Equinor, KPMG e até empresas fora do país como na Noruega e Abu Dhabi.

É possível saber mais sobre os serviços que ofereço acessando o meu site e redes sociais: Site

Linkedin

Instagram

Facebook


#currículo #carreira #buscadeemprego #recolocaçãoprofissional #linkedin #networking #redesociais #sérievidaecarreira

 São Paulo - SP - Brasil

Atendimento Presencial e On-line

Siga nas redes sociais!

  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • Blogger - Círculo Branco
  • SoundCloud - Círculo Branco
  • LinkedIn - Círculo Branco

Todos os direitos reservados à Carla Rabetti